CEDAP UFRGS

Browsing Colunas Raul Pilla by Title

Browsing Colunas Raul Pilla by Title

Sort by: Order: Results:

  • Raul Pilla (Microscópio, 1944-01-01)
    Pilla faz votos de esperança para o ano, prevendo o final da guerra e alertando para a necessidade de se negociar a paz posterior.
  • Raul Pilla (Microscópio, 1943-10-19)
    O autor saúda um manifesto, lançado na Argentina, que prega "Democracia efetiva e real solidariedade americana", defendendo que "ou salvam-se todas as nações americanas, ou perecem todas". Aproveita ainda para criticar a ...
  • Raul Pilla (Microscópio, 1943-12-30)
    A coluna trata da "ultima lição" do professor argentino Oscar Orias, que pediu a seus alunos que acreditassem que "as forcas morais são mais poderosas do que as forcas físicas".
  • Raul Pilla (Microscópio, 1943-11-10)
    Raul Pilla saúda a decisão de Alfredo Palácios, reitor da Universidade de Buenos Aires, que apresentou sua renuncia em represália a "irrupção da ilegalidade e da violência".
  • Raul Pilla (Microscópio, 1943-11-27)
    Raul Pilla critica um jornalista que lamentou a troca de nome da cidade de Arroio Grande, que passaria a se chamar Assis Brasil, "excelso brasileiro e grande patriota".
  • Raul Pilla (Com o presente e incisivo artigo, inicia o professor Raul Pilla uma serie de colaboração para "o DIARIO DE NOTICIAS, do qual, alias, juntamente com .Leonardo Truda e Roque Callage, fora um dos fundadores em mil novecentos e vinte e cinco., 1945-03-18)
  • Raul Pilla (Triste sina tern sido a dos Estados Unidos. em nosso pais, , nestes últimos tempos. O seu grande presidente Franklin Delano Roosevelt, foi constantemente equiparado, quando não sotoposto ao sr. Getúlio Vargas, o ditador do Brasil., 1945-06-29)
  • Raul Pilla (Como quebrar este circulo fatal? Muito simplesmente, Antônio; abandonando as obras suntuárias ou simplesmente dispensáveis. para que um numero crescente de pessoas possa voltar A produção de artigos de consumo e abundancia se estabelece de novo. Foi assim que procedeu a Ditadura em nosso Pais? Bem sabes que não. Tendo a guerra reduzido o Brasil a uma ilha impossibilitada do importar certos artigos de consumo, não soube ou não pode o governo adotar a conveniente politica econômica e financeira. De um lado, obras suntuárias, gastos supérfluos, déficits colossais; do outro, uma vertiginosa inflação de papel moeda., 1945-07-01)
  • Raul Pilla (Decorre isto iniludivelmente da natureza das disposições -ali contidas e das circunstancias em que surgiu a- lei. Em vão tentaram apadrinhar-se com as leis norte-americanas destinadas a combater os "trusts", e os monopólios. Não pode haver maior disparidade. A legislação americana e instrumento de liberdade econômica; o monstruoso decreto n-" 7.666, tão monstruoso que foi repudiado pelos, mesmos que o geraram, e simplesmente uma arma de opressão politica., 1945-07-05)
  • Raul Pilla (Desta inflação, cabe a responsabilidade inteira a ditadura. Obra sua exclusiva. E da outra, consequente as condições gerais criadas pela guerra, cabe-lhe também uma grande parte da culpa, por nada ter sabido ou querido fazer para minorá-lá.., 1945-06-22)
  • Raul Pilla (Diário de notícias, 1945-05-04)
    No a no de 1930, quando se preparava a vitoriosa mas infausta revolução liberal, esteve o sr. Luiz Carlos Prestes em Porto Alegre e recusou-se a tomar parte na conspirarão, por nada de bom augurar do movimento capitaneado ...
  • Raul Pilla (1945-04-03)
    Se é pelo programa que se define um partido politico, se é pela fidelidade ao seu programa que ele se recomenda a confiança. dos cidadãos, cumpre indagar onde está, com quem ficou o programa do Partido Libertador. Em ...
  • Raul Pilla (1945-04-04)
    "Começam, neste instante, as Rádios Associadas do Rio Grande do Sul os debates políticos da cruzada nacional pela redemocratização do pais. E vamos fazê-lo nos moldes clássicos das campanhas eleitorais norte-americanas, ...
  • Raul Pilla (1945-05-31)
    Hoje, depois de quase oito anos de regime ditatorial, durante os quais estiveram confiscadas todas as franquias do povo brasileiro, outra não é a tática do ditador para conservar o poder que lhe foge: confusão, sempre confusão,
  • Raul Pilla (Opinando sobre o plebiscito e as eleições, o Sr. Raul Pilla examina frontalmente as questões essenciais que vem sendo levantadas., 1944-10-30)
  • Raul Pilla (Continuação da última página..., 1944-11-07)
  • Raul Pilla (, 1945)
    Esquece ele, porem, que, dos três poderes constitucionais, um desapareceu inteiramente; outro nasceu de uma usurpação, que nunca teve a prometida sanção do plebiscito; e somente o terceiro, o judiciário, ai permanece ...
  • Raul Pilla (Microscópio, 1943-10-26)
    O autor critica a crônica de um inominado jornalista, defendendo os "homens de princípios" da história contra "o ridículo, arma útil, sobretudo, quando faltam argumentos sérios."
  • Raul Pilla (A autoridade do manifesto ao Partido Libertador. - Não há conciliação quando se defrontam dois sistemas irredutíveis.- Congresso dos libertadores, para breve, afim de eleger o Diretório Central e tratar da reforma de programa, 1945)
  • Raul Pilla (1949-01-22)
    A sucessão só interessa o P.L se cair a emenda parlamentarista.

Search DSpace#1#


Advanced Search

Browse

My Account